As Esquadras de Corsário Cavendish de 1591, que atacou a Vila de Santos.

Caros leitores,
Neste artigo, na sequência sobre o tema das embarcações coloniais, falaremos das esquadras de Cavendish corsário inglês que fez duas explorações na América do Sul.

************************

Segundo o livro “Naus no Brasil Colônia”, a primeira viagem do pirata inglês Cavendish começou em Plymouth em 21 de julho de 1586, autorizada por uma carta de corso da Rainha Elizabeth I.

A sua rota passou por Serra Leoa e Cabo verde na África, tocou em Cabo Frio no litoral do Rio de Janeiro. Após fazer o abastecimento de água e víveres na Ilha de São Sebastião no litoral paulista, rumou para o Estreito de Magalhães.

Atacou colônias espanholas no Atlântico Sul e outras povoações nos oceanos Pacífico e Índico. Retornou à Inglaterra pelo Cabo da Boa Esperança, fez escala na Ilha de Santa Helena, antes de aportar em 9 de setembro de 1588 em Plymouth.]

A força de seus ataques resultou em um imenso butim (resultado dos saques), razão pela qual foi armado e cavaleiro pela Rainha da Inglaterra. As embarcações Desire, Content e Hugh Gallant compunham sua esquadra.

A segunda exploração de Cavendish foi trágica para a Vila de Santos, a qual foi atacada no dia de Natal de 1591, apanhando toda a população na igreja, pelo que não houve resistência alguma.

O atacado foi realizado por uma parte da esquadra, três embarcações, pois as demais ficaram fundeadas na Ilha de São Sebastião onde faziam aguada, isto é o abastecimento de água potável.

Posteriormente, mais duas embarcações aportaram em Santos quando ocorreram os incêndios de vários engenhos de açúcar de São Vicente e Santos e a ocupação pelo período de dois meses, quando levantaram âncoras e rumaram para o sul para realizarem mais saques.

Entretanto, a viagem de retorno de Cavendish não foi vitoriosa, pois ao retornarem para Santos no ano seguinte todos os que desembarcaram foram mortos, inclusive alguns capitães. Também sofreram derrotas nas ilhas de São Sebastião e Grande. Atacaram o Espirito Santo, mas foram repelidos com pesadas perdas.

Após esses insucessos a esquadra seguiu para o Estreito de Magalhães, mas não conseguiu penetrá-lo. Na volta a nau capitânia Desire desembarcou sua tripulação na Ilha Grande, mas os todos foram massacrados pelos portugueses.

A 6 de fevereiro de 1593 partiram de volta à Europa, chegando à Irlanda em 11 de junho do mesmo ano. O Desire foi um dos três navios que conseguiu retornar, aportando em Beerhaven, e da tripulação de 150 homens, 124 sucumbiram inclusive Cavendish.

A esquadra era composta por cinco embarcações: Desire, Leicester, Roebuck, Black Pinesse e Daintie, além de dois botes o Crow e a Gralha.

 

 

Referências:

Naus no Brasil Colônia, P. de Godoy, J.E. Senado Federal, Brasília, 2007
http://pt.wikipedia.org/wiki/Thomas_Cavendish

Pin It
0
0
0
s2sdefault
powered by social2s

O que você achou? Comente