Foto: www.petronoticias.com.br

Explosão da plataforma de petróleo no Golfo do México em 2010

Apenas um ano depois da catástrofe ambiental com o derramamento de 780 milhões de litros de petróleo no Golfo do México, tivemos aqui a nossa amostra de desastre. No litoral do Rio de Janeiro, mais especificamente da plataforma da Chevron do Campo do Frade (Bacia de Campos) vazaram 400 mil litros de petróleo.

No ano de 1967, foi registrado o primeiro caso de grande importância, quando o petroleiro Torrey Canyon encalhou na costa da Inglaterra, liberando 123.000 ton de óleo. A poluição atingiu áreas costeiras inglesas e francesas e provocou a morte de centenas de animais, além de prejuízos à pesca e ao turismo.

Foto: Cetesb 

Petroleiro Torrey Canyon, encalhado
em 1967 na costa da Inglaterra

A Cetesb publicou um breve histórico sobre vazamentos de óleo no mar, considerando casos ocorridos no mundo.

Não são apenas os navios petroleiros os potenciais poluidores do ambiente marinho.  O derrame de óleo no mar também pode ocorrer por outras fontes, envolvendo plataformas, portos, terminais, refinarias e dutos.

A tabela abaixo ilustra casos internacionais mais significativos:

Grandes vazamentos de óleo no mundo

Data

Causa

Região

Vol vazado (ton)

26/01/91

Guerra do Golfo Pérsico

Kuwait -Golfo Pérsico

7.680.000

03/06/79

Poço de petróleo Ixtoc

Campeche - México

4.480.000

02/03/92

Poço de petróleo

Uzbaquistão

2.816.000

04/02/83

Plataforma petrolífera Nowruz

Irã - Golfo Pérsico

2.560.000

01/08/80

Poço de petróleo D 103

Libya

1.344.000

Fonte: ETKIN (1998)

Clique aqui para ler a segunda parte deste artigo.

Pin It
0
0
0
s2sdefault
powered by social2s

O que você achou? Comente