Celebrando os 211 anos de Abertura dos Portos às Nações Amigas, Portogente lança o projeto Comunidades Portuárias. O mundo portuário vive um momento de aceleração, impulsionado por novas tecnologias. A onipresença da Internet estabelece novos padrões de concorrência e competitividade nos mercados internacionais. Reinventar é preciso.

Sea port 1Fonte: Freepick

Portogente é líder de visitação entre seus similares sul-americanos, condição auspiciosa para promover a relação em rede entre atores e, assim, contribuir para o entendimento necessário do novo paradigma do comércio marítimo. Tecnologias, como a do blockchain, reconstroem as cadeias logísticas e incorporam novas realidades e novas ideias. Comunidades portuárias digitais e colaborativas fazem parte da nova agenda da competitividade dos portos. É um novo tempo.

Leia ainda
* Os portos das próximas duas décadas

No caso brasileiro, trata-se de superar etapas e buscar o tempo perdido. O fato do crescimento do comércio marítimo aumentar com taxas maiores do que o PIB determina a prioridade com que devem ser tratadas as comunidades dos portos brasileiros. Ou seja, sem portos modernos, Paulo Guedes estará falando ao vento sobre crescimento econômico. Entretanto, Tarcísio Gomes de Freitas no comando do Ministério da Infraestrutura cria um ambiente favorável e motivador. Há muito o que ser feito para melhorar a competitividade dos portos nacionais.

Leia mais
* Diálogo desejado com o ministro da Infraestrutura

Há décadas se mostra o papel produtivo da descentralização da gestão portuária. Como costuma dizer o consultor da área Frederico Bussinger: “A ideia/proposta surge sazonalmente; sempre uma solução para todos os males portuários.” Na verdade, o atual modelo, desgastado pela ineficiência e favorável à corrupção, é incompatível ao novo paradigma no qual predominam os interesses comerciais da comunidade portuária na competição de mercados. Esse jogo não suporta desaforo.

Leia também
* Indústria: produtividade em alta
 
No seu papel de think tank digital, que aglutina conhecimentos como instrumento para refletir novas relações com as decisões estratégicas e operacionais no ambiente das cadeias logísticas portuárias, Portogente vai integrar informações pertinentes às comunidades do sistema portuário brasileiro. Comunidades Portuárias é um projeto de exposição, principalmente de desempenhos medidos, comparados e classificados. Assim, objetiva cooperar com o desenvolvimento eficiente de investimentos tão aguardados para viabilizar uma logística sustentável e realmente competitiva.

Pin It
0
0
0
s2smodern
powered by social2s

"*O Dia a Dia é o editorial do Portogente publicado de segunda a sábado e expressa fielmente a posição coletiva dos responsáveis pela redação do website"