Segundo o livro “Naus no Brasil Colônia”, a armada da expedição exploradora e preparatória para a colonização do Brasil zarpou de Lisboa, em Portugal, com cinco navios e 500 homens, em 3 de dezembro de 1530. Aportou no Cabo de Santo Agostinho, em Pernambuco, em 1 de fevereiro de 1531. A armada era composta por cinco embarcações: a nau capitânia cujo nome é desconhecido, a São Miguel, a São Vicente, a Princesa e a Rosa.

Leia também
* Américo Vespúcio na flotilha de Gonçalo Coelho
A armada do descobridor Pedro Álvares Cabral
As embarcações no período da colonização
As embarcações na época dos descobrimentos
As embarcações no Brasil Colonial

Explorou todo o litoral brasileiro, combateu e aprisionou navios franceses e chegou até o Rio da Prata. Martim Afonso retornou à Portugal nesse mesmo ano de 1531, mas centenas de integrantes da expedição ficaram no Brasil, especialmente na região da futura São Vicente.

O Brasil foi pouco explorado pelos portugueses durante os primeiros 30 anos após o descobrimento, mas era alvo da cobiça de outros povos, como os franceses e ingleses. Em 1530, o rei de Portugal D. João III decidiu organizar uma expedição colonizadora e para comandá-la o rei escolheu o amigo Martim Afonso de Sousa.

Imagem: CD-ROM Benedito Calixto - 150 anos, editado em 2003

Detalhe da tela Fundação de São Vicente pintura de Benedito Calixto

Os preparativos foram demorados e só em 31 de dezembro de 1531 a nova expedição partiu com cerca de 500 pessoas, composta por tabeliães e oficiais de justiça para impor a lei, padres e soldados, além de munições, tecidos, ferramentas, mudas de plantas como a cana de açucar, animais e utensílios domésticos.

A esquadra avistou São Vicente em 20 de janeiro de 1532, mas desceram em terra firme em 22 de janeiro data da fundação. Martim Afonso deu ao local o nome de Vila de São Vicente ratificando a escolha de Gaspar de Lemos de 1502 quando a região foi descoberta.

Referências
Naus no Brasil Colônia, P. de Godoy, J.E. Senado Federal, Brasília, 2007

http://www.historiamais.com/fundacao_sao_vicente.htm

Pin It
0
0
0
s2sdefault
powered by social2s

O que você achou? Comente