A nova revolução industrial chegou ao segmento de caminhões no Brasil. A Mercedes-Benz inaugurou na terça-feira (27), em São Bernardo do Campo (SP), uma linha de montagem de veículos de carga em direção à Indústria 4.0.

                                          Imagem

Leia também

Porto do Açu pede isonomia, celebra ZPE e serviço door to door

Na nova linha de produção, os funcionários lidam com tecnologia digital, hiperconectividade, dados na nuvem e Internet das Coisas para gerar alta produtividade e qualidade.

Em três anos, a Mercedez aplicou R$ 500 milhões para a construção de um prédio totalmente novo para a linha de montagem inovadora de fabricação de caminhões leves a pesados, com a logística de peças num sistema integrado e inteligente.

A empresa pretende expandir as tecnologias da indústria 4.0 a todos os processos produtivos: linhas de agregados (motores, câmbios e eixos), fabricação de chassis de ônibus em São Bernardo do Campo. Da mesma forma acontecerá na planta de Juiz de Fora (MG), onde são produzidas cabinas e caminhões Actros.

A nova linha de montagem é 15% mais eficiente que a anterior e dará 20% de ganho de eficiência logística, em razão da redução de armazéns de peças de 53 para seis, do aumento do percentual de entrega de peças diretas na linha de 20% para 45%, e da redução do armazenamento de componentes de dez dias para no máximo três.

Com a alta tecnologia, dados em tempo real ficarão disponíveis para várias áreas da fábrica. 

Um aplicativo móvel permitirá acompanhar toda a produção pelo celular, com interface com a planta de Juiz de Fora e outras áreas de São Bernardo.

Todos os dados gerados pelo aplicativo e por equipamentos estão sendo armazenados na nuvem com a inteligência do Big Data. Com os dados, a qualidade do produto será monitorada usando de recursos Analytics.

Pin It
0
0
0
s2sdefault
powered by social2s
O que você achou? Comente