O Governo Federal publicou, em 12 de fevereiro último, decreto que altera o traçado da poligonal de Paranaguá - até então, o Paraná era o único estado que ainda não havia atendido a determinação do artigo 15 da Lei dos Portos para fazer tal revisão.

A mudança da poligonal é de fundamental importância para ampliar a capacidade portuária do Paraná, além de abrir portas para a atuação de empreendimentos privados, ampliando o setor, atraindo mais cargas para o estado e fortalecendo o Paraná como um importante polo portuário. "A alteração da poligonal vai permitir o aproveitamento máximo do potencial do Paraná, proporcionando o crescimento de nossa economia como um todo", afirma Ricardo Bueno Salcedo, diretor do Porto Pontal.

Só em Pontal do Paraná, calcula-se um investimento de R$ 8 bilhões com a instalação de uma empresa de exploração da camada pré-sal, uma usina termoelétrica e três terminais privados nas novas áreas que deixam de estar sob o controle da União. Apenas estes últimos três empreendimentos devem gerar mais de 5 mil empregos diretos e 20 mil indiretos, além de contribuir para o desenvolvimento econômico e social de todo o estado.

Pin It
0
0
0
s2smodern
powered by social2s