Os mercadores globais estão sempre explorando suas vantagens locais para disputar as oportunidades comerciais internacionais

Pode não ser muito tarde para fazer a reforma dos portos. Mas, certamente, os portos organizados brasileiros estão bastante atrasados. Mesmo assim, se continuar persistindo em não entender o que precisa ser realizado nos portos, o Ministério da Infraestrutura vai perder o navio da história que está passando. Qual é o conceito de Autoridade Portuária adotado pela consultoria do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), para propor um modelo de privatização de porto que gere produtividade com conformidade e sustentabilidade?

600 Porto Santos 2020

Editor 
Pensar a reforma portuária para o Brasil inovador

O que se ouve, já que tudo foi feito até agora entre quatro paredes, é que o modelo da tão anunciada privatização do Porto de Vitória é muito, e não pouco, questionado. Sem inclusão da sociedade, através do debate para que as partes interessadas entendam o que se trata, o resultado que irá ser apresentado, decerto, não terá legitimidade. Pois, a pressão econômica internacional sobre o porto do futuro é um processo de transformação de serviços e progresso tecnológico para atender parâmetros comerciais que impactam múltiplos interesses, exigentes de serem escutados.

Leia também 
O debate da reforma portuária acontece aqui

Uma audiência pública para dar autenticidade ao calhamaço de dados de um projeto desse escopo, elaborado por equipes em prazo amplo, e apresentado a uma plateia heterogênea, é absolutamente unilateral. Assim, cria-se uma situação como uma falsificação de evento, onde a apresentação triunfa sobre a significação. Uma situação sem diálogo, onde as palavras são ditas ao auditório e as respostas previamente catalogadas. O resultado que se vislumbra, por seus primeiros sinais, é uma obra mal acabada.

Editorial 
Competitividade do Porto de Santos em risco

Entretanto, esse debate vem acontecendo no Portogente, no WebSumitt Nova Abertura dos Portos, destinado a clarear o entendimento, por meio do envolvimento de toda a sociedade afetada pela atividade portuária. Ouvir a opinião da Câmara de Deputados, através dos representantes de estados dos principais portos, é imperativo. Fala-se de privatização, mas o que de fato significa? Descentralizar as decisões é prioridade na pauta da discussão dos problemas de fundo dos portos. A hora é agora.

Debate | OAB-SP 
* Privatização do Porto de Santos - Potencial e desafios

Paradoxalmente, a comunidade portuária do Brasil está alijada dessa conversa sobre a anunciada reforma dos portos. Situação desigual do amplo debate na elaboração da exitosa Lei 8.630/93, que promoveu significativa inovação da atividade, à época. Todavia, estamos vivendo um mundo novo e precisamos de novo entendimento.

Pin It
0
0
0
s2sdefault
powered by social2s

*O Dia a Dia é o editorial do Portogente publicado de segunda a sábado e expressa fielmente a posição coletiva dos responsáveis pela redação do website

O que você achou? Comente