Correta e prudente a atitude da Praticagem de São Paulo ao levantar fragilidade na concessão da livre prática, o documento emitido pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) que autoriza o navio a entrar no porto e, depois, operar. Pois, antes disso, ainda na barra, o prático já está a bordo para auxiliar a entrada da embarcação e a sua atracação no cais onde irá operar. Para o presidente da Praticagem local, Carlos Alberto Souza Filho, a conversa com as partes envolvidas foi salutar. Ou seja, houve aprimoramento de questão crucial na atual conjuntura.

600 navio chinesNavio chinês na entrada do Porto de Santos. Crédito: José Rodrigues | Praticagem.

Nota da Praticagem 
Praticagem: Maré baixa impede atracação de navio chinês em Santos

Trata-se de como se proteger do coronavirus, o Convid-19, uma ameaça que assola o mundo com números assustadores de óbitos. O Porto de Santos é porta para a mais populosa hinterlândia do Hemisfério Sul. As imagens de Wuhan, a cidade chinesa centro geográfico dos primeiros casos dessa terrível epidemia, mostram uma região comparável à grande São Paulo com ruas vazias e abandonadas. Oportuno salientar que, na China, já foram confirmados mais de 74.200 casos, com cerca de 2.000 mortes. É preciso construir urgentemente barreiras sanitárias rigorosas e eficazes.

Blog | Bruno Merlin
Praticagem do Brasil faz campanha por segurança nas escadas de acesso a embarcações

Ainda que o tempo de viagem de navio chinês ao Brasil seja superior a 40 dias e, segundo o londrino The Journal of Hospital Infection, da Sociedade de Cuidados de Saúde Contra Infeção, o Convid-19 pode permanecer infeccioso em superfícies inanimadas por até nove dias. Portanto, inferior ao tempo de viagem. Todavia é preciso considerar a situação de um ambiente confinado, como a bordo de um navio, abrigando uma tripulação.

WebSummit 
Praticagem: expansão de portos, conceito de calado dinâmico e interação hidrodinâmica

O caso do navio de cruzeiro Diamond Princess, que está em quarentena no porto de Yokohama, no Japão, desde 3 de fevereiro e registrou 88 novos casos de Convid-19, nesta terça-feira (18/02) exemplifica bem a ameaça que se vive. Enfim, a situação exige cuidado inflexível, tendo em vista a epidemia ter atingido 30 países totalizando mais de 350 casos confirmados, incluindo óbitos de crianças e principalmente de idosos.

Bruno Merlin | Editor 
SPA e Praticagem adotam ações de prevenção contra coronavírus

Por isso tudo, é uma atitude moderna e competente a cautela da Praticagem de São Paulo utilizar roupas, luvas, máscaras e óculos de proteção para operar o navio de Hong Kong Kota Perimpin, que aguardou na barra de Santos condição de maré até ser autorizado para atracar no Porto. Comparado com outros países mais bem posicionados, é fácil perceber que o problema maior do Brasil não é a política nem a corrupção. É o primitivismo, como causa. Decerto é possível mudar.

 
Pin It
0
0
0
s2smodern
powered by social2s

*O Dia a Dia é o editorial do Portogente publicado de segunda a sábado e expressa fielmente a posição coletiva dos responsáveis pela redação do website

O que você achou? Comente