A criação de roteiros integrados entre os países membros do Mercosul, a promoção conjunta em mercados distantes como a China, a inserção dos países do bloco econômico em feiras internacionais e a aproximação do turismo com o patrimônio histórico foram destaques nos debates da XIX Reunião de Ministros do Turismo do Mercosul, nesta quinta-feira (7), em Maceió (AL).

                                          Imagem

Leia também

Brasil e Chile deverão adotar Certificado de Origem Digital

Fóruns e eventos discutem fluxos logísticos e desafios estruturais

Em 2016, quase metade do número de turistas estrangeiros que vieram ao Brasil (6,6 milhões) eram originários de nações do bloco econômico.

Os ministros subscreveram uma declaração conjunta em defesa do fortalecimento dos parques temáticos como indutores do turismo na região.

A intenção é aprovar medidas para impulsionar o segmento. Acredita-se que isso possa gerar cerca de 60 mil empregos e um investimento de R$ 2 bilhões em nosso País nos próximos cinco anos.

Os participantes declararam apoio unânime para uma candidatura conjunta de Argentina, Paraguai e Uruguai para sediar Copa do Mundo de 2030.

Pin It
0
0
0
s2smodern
powered by social2s