Opinião

Presidente do Sindicato dos Engenheiros no Estado de São Paulo (Seesp) e da Federação Nacional dos Engenheiros (FNE)

0
0
0
s2smodern
powered by social2s
Não dá para culpar somente a seca. A má qualidade da água dos rios brasileiros é um dos principais problemas enfrentados pelas grandes cidades, há décadas. A falta de planejamento e de investimentos no setor de saneamento está “matando” os mananciais e o alto nível de urbanização das cidades brasileiras causa um impacto significativo aos rios que as atravessam. Contudo, em 2014, o Estado de São Paulo entrou na pior crise de abastecimento de sua história, que está atingindo 17 milhões de pessoas nas regiões metropolitanas de São Paulo e Campinas, agravando ainda mais a qualidade de suas águas superficiais.

0
0
0
s2smodern
powered by social2s
Presidente do Sindicato dos Engenheiros no Estado de São Paulo (Seesp) e da Federação Nacional dos Engenheiros (FNE)

0
0
0
s2smodern
powered by social2s
Neusa Maria Pereira Bojikian é professora da Faculdade Santa Marcelina e Marcos Cordeiro Pires é professor da Faculdade de Filosofia e Ciências da Unesp de Marília

0
0
0
s2smodern
powered by social2s
Advogado especialista em Direito Constitucional, Civil, Tributário e Coletivo do Trabalho

0
0
0
s2smodern
powered by social2s