Os aeroportos de Aracaju (SE) e Ponta Porã (MS) realizaram neste mês de março cursos e exercícios de segurança para aperfeiçoamento dos procedimentos de prevenção e salvamento nos dois terminais. Em Ponta Porã, foi concluído na última sexta-feira (22/3) o Curso de Aperfeiçoamento Técnico de Bombeiros de Aeródromos (Ateba), que tem como meta atualizar os conhecimentos e habilidades dos bombeiros que atuam na Seção Contra Incêndio (SCI) do aeroporto. Além de aperfeiçoar os procedimentos técnicos desses profissionais, o treinamento mantém os bombeiros atualizados quanto aos serviços de salvamento e combate a incêndios, conforme a resolução nº 115 da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), utilizando tanto aulas teóricas quanto exercícios simulados.
 
Já em Aracaju, foram realizados o Curso de Voluntários de Emergência (CVE) e o Exercício Simulado de Emergência Aeronáutica (Esea), concluídos em 15/3. O CVE tem como objetivo ensinar aos colaboradores procedimentos a serem tomados e técnicas de salvamento e primeiros socorros em caso de emergências, incêndios e acidentes aeronáuticos. Já o Esea é um exercício prático que testa a eficácia do Plano de Emergência (Plem) do aeroporto, medindo a prontidão dos profissionais envolvidos nas ações de resgate e atendimento e a adequação dos recursos disponíveis para lidar com emergências. O Ateba, o CVE e o Esea são ministrados anualmente em todos os 63 aeroportos da Rede Infraero.

A simulação em Aracaju contou com a participação de 108 alunos e recebeu também a colaboração de médicos como instrutores durante as aulas teóricas do CVE. Além disso, o exercício foi acompanhado por dois inspetores da Anac, que avaliaram o empenho e a organização do treinamento. Além disso, órgãos como o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), Comando de Policiamento de Trânsito (CPTran), Secretaria Municipal de Transporte e Trânsito (SMTT), Força Aérea Brasileira (FAB), Corpo de Bombeiros Militar (CBM-SE) e prontos-socorros da região prestaram apoio ao exercício.
 
“É crucial manter os bombeiros do aeroporto atualizados em seus conhecimentos técnicos, garantindo a segurança e integridade dos cidadãos no caso de emergência”, pontuou o superintendente de Ponta Porã, Almir Aurélio Fernandes. Já o superintendente de Aracaju, Luiz Alberto Bittencourt, destacou o empenho dos participantes no Esea. “O tempo resposta verificado no exercício foi satisfatório, demonstrando que o aeroporto está preparado para lidar com emergências de forma eficiente e rápida”, disse.

Pin It
0
0
0
s2sdefault
powered by social2s

O que você achou? Comente