Enquanto as altas tarifas e a ineficiência da cadeia logística intermodal inibem o transporte de contêineres nas ferrovias do Brasil, o modal rodoviário "nada de braçada".

Em um curto trecho do Sistema Anchieta-Imigrantes, a reportagem de PortoGente registrou caminhões transportando cargas de diferentes naturezas ao Porto de Santos (SP). O transporte rodoviário é fundamental, sem dúvida, para o desenvolvimento econômico do País. Mas não deve ser tudo.

Graneis sólidos, líquidos, contêineres e mercadorias perigosas estão concentrados demasiadamente nas rodovias. O lobby rodoviário, segundo o especialista em logística e ex-presidente do Conselho de Autoridade Portuária (CAP) de Suape, José Gerardo de Mesquita, impede a aplicação da multimodalidade no dia-a-dia de quem lida com o transporte de cargas.

O consultor técnico da Confederação da Agricultura e Pecuária (CNA) do Brasil, Luiz Antonio Fayet, sintetiza o tema e dá um recado curto e grosso: a logística de transporte do País “é uma desgraça”.

 

Pin It
0
0
0
s2smodern
powered by social2s

*O Dia a Dia é o editorial do Portogente publicado de segunda a sábado e expressa fielmente a posição coletiva dos responsáveis pela redação do website