As empresas de um país ganharão vantagem competitiva se os compradores domésticos forem os mais sofisticados do mundo e exigentes em relação aos produtos e serviços (Michael Porter)

As projeções dispares entre a ONU (Organização das Nações Unidas) - de uma crise humanitária a partir de 2020 - e de instituições como FMI e Banco Mundial - que delineiam o início da recuperação econômica em 2021-, encontram solução na produção e distribuição. Ou seja, na produtividade e logística. Neste contexto, avulta a “Importância da Plataforma de Logística Integrada para o Comex”, tema do Webinar Semanal do Portogente, hoje às 16 horas.

Dad 03DEZ2020

Leia também
Desenvolvendo o Arco Norte

O complexo processo de produzir e distribuir são variáveis do mais doloroso dilema macroeconômico: o conflito entre desemprego e inflação. Gerar emprego e produzir para aumentar a oferta depende sobremaneira do poder de negociação oriundo dos grandes volumes de carga. A busca da competitividade pela instalação de uma Plataforma Logística Integrada envolve decisões multisetoriais e, não raro, esbarra em interesses conflitantes.

Editorial 
A precariedade do Amapá atrasa o Arco Norte

Essas variáveis são elementos de um sistema multimodal de transporte, de infraestrutura, de energia, de informação e tantos outros condicionantes. Novas tecnologias, como a Blockchain, 5G e Internet das Coisas (IoT), estão descentralizando decisões e aumentando o espaço de influência, bem como diminuem os tempos de produção e operação. Consequentemente, refletem no modelo de mercado de trabalho.

Confira também 
TCU analisa leilões STS 8 e STS 8A no Porto de Santos

Como nó de uma longa cadeia logística mundial, a Plataforma de Logística Integrada, ao mesmo tempo que conecta mercados internacionais, tem seu papel primeiro de se constituir um sistema de integração regional. Trata-se de um projeto fundamental para as diversas regiões produtivas brasileiras serem competitivas, assim como a sua competitividade irá atrair investimentos.

Artigo | Nelson L. Carlini e Nilson Mello 
BR do Mar: o que a cabotagem realmente precisa

Entender as resistências nas interfaces dessas relações complexas é o caminho para definir premissas de segurança e de agilidade, fundamentais na competitividade do produto no comércio exterior. Nesse sentido, o webinar “Importância da Plataforma de Logística Integrada para o Comex” será contribuição valiosa.

Pin It
0
0
0
s2sdefault
powered by social2s

*O Dia a Dia é o editorial do Portogente publicado de segunda a sábado e expressa fielmente a posição coletiva dos responsáveis pela redação do website

O que você achou? Comente