Demonstrar o funcionamento do Porto de Porto Velho à comunidade e aos produtores rurais é a finalidade da exposição do projeto Porto Cidade, através da participação da empresa pública na 7ª edição da maior feira da região Norte, a Rondônia Rural Show que acontece entre os dias 23 e 26 de maio em Ji-Paraná.

Nesta edição, a administração portuária demonstrará a importância da disponibilização da sua estrutura e localização geográfica privilegiada, integrando o Arco Norte, expandindo o convite à comunidade acadêmica e empresários para conhecer o Porto de Porto Velho.

Com uma movimentação de 300 toneladas ao mês, principalmente de graneis sólidos, o Porto tem capacidade de operacionalizar até 5 milhões toneladas de carga ao ano. “A movimentação de graneis sólidos representa 80% da carga escoada, sendo que também estamos aptos a operacionalizar derivados de combustíveis, cargas gerais e refrigeradas. A melhor estrutura para embarque/desembarque de produtos é a do Porto de Porto Velho”, afirmou o presidente da SOPH, Francisco Leudo Buriti de Sousa.

Atualmente o Porto dispõe de recinto alfandegado, pátios e vias de acesso asfaltados, armazéns, vigilância eletrônica e segurança 24h. De Rondônia, os produtos são enviados diretamente para países em diversos continentes, entre eles: Ásia, Europa e América do Norte, atendendo a todos os requisitos da Receita Federal, de acordo com a legislação brasileira vigente para despachos aduaneiros, armazenamento e/ou recebimento de mercadorias de importação e/ou exportação. 

Pin It
0
0
0
s2smodern
powered by social2s

*Todo o conteúdo contido neste artigo é de responsabilidade de seu autor, não passa por filtros e não reflete necessariamente a posição editorial do Portogente.

  escreva corporativas