• De acordo com a diretora-presidente do Porto de Cabedelo (PB), Gilmara Temóteo, a retomada do processo de descentralização da gestão dos portos públicos e a não privatização integral dos terminais foram os principais pontos discutidos

  • Iniciada em janeiro deste ano, a adequação de todas as instalações elétricas do Porto de Imbituba(SC) à Norma Regulamentadora nº 10 (NR-10) - segurança em instalações e serviços em eletricidade - entra agora em sua reta final.

  • O presidente do Sindicato dos Trabalhadores das Administrações Portuários do Estado de São Paulo (Sindaport), Everandy Cirino dos Santos, tão logo soube das demissões no Porto de Santos repudiou a atitude da Companhia Docas do Estado de São Paulo (Codesp).

  • Neste mês de maio de 2018 a presidência foi delegada ao engenheiro Osny Souza Filho, ex-prefeito da Cidade entre 1997 e 2004, durante dois mandatos. As indicações políticas, portanto, também ocupam os principais da estatal SCPar Porto de Imbituba, contribuindo para multiplicar a inefiência portuária no território brasileiro

  • A partir de reunião deliberativa com representantes de sindicatos ligados à Federação Nacional dos Portuários (FNP), a categoria dos trabalhadores nos portos brasileiros entrou em estado de greve. O anúncio pressiona o presidente Michel Temer (MDB), que há duas décadas mina a eficiência da Companhia Docas do Estado de São Paulo (Codesp) com indicações políticas inexplicáveis

  • Num momento em que o Porto de Santos (SP) tem aparecido com insistência, e para a tristeza da sociedade, nos noticiários brasileiros por diversas ações da Polícia Federal (PF) e da própria Procuradoria-Geral da República (PGR), salta aos olhos a ocorrência de demissões de funcionários de carreira da Companhia Docas do Estado de São Paulo (Codesp), administradora do complexo portuário. Sem justa causa

  • Levantamento realizado pelo Portogente no site do Terminal Superior do Trabalho (TST) aponta que as companhias docas do Rio de Janeiro (CDRJ) e do Estado de São Paulo (Codesp) lideram a lista de processos abertos que culminaram nas certidões positivas de débitos trabalhistas