Com uma costa de 8,5 mil quilômetros navegáveis, o Brasil possui um setor portuário que responde, sozinho, por mais de 90% das exportações realizadas pelo País. O modal aquaviário possui um dos menores custos para o transporte de cargas no Brasil, perdendo apenas para o transporte dutoviário e aéreo, de acordo com estudos desenvolvidos pela Coppead (Instituto de Pesquisa e Pós-graduação da Universidade Federal do Rio de Janeiro - UFRJ).

O sistema portuário brasileiro é composto por 34 portos públicos, entre marítimos e fluviais. Desse total, 16 estão delegados, concedidos ou têm operação autorizada à administração por parte dos governos estaduais e municipais. Existem ainda dezenas terminais de uso privativo e complexos portuários que operam sob concessão à iniciativa privada.

Portos marítimos
A Secretaria de Portos da Presidência da República (SEP/PR), criada durante o Governo Lula em 2007, é responsável pela formulação de políticas e pela execução de medidas, programas e projetos de apoio ao desenvolvimento da infra-estrutura dos portos marítimos. Compete ainda à SEP a participação no planejamento estratégico e a aprovação dos planos de outorgas, tudo isso visando assegurar segurança e eficiência ao transporte marítimo de cargas e de passageiros.

A Escola Virtual Portogente disponibiliza gratuitamente breve curso que relaciona esses portos e detalha características dos principais deles. Clique aqui para acessar e se cadastrar.

Pin It
0
0
0
s2sdefault
powered by social2s

O que você achou? Comente