Transporte / Logística

Muitos jovens pensaram, ao menos uma vez na vida, em um dia pilotar um helicóptero. Ou no mínimo poder voar em um deles... Quem não fica admirado ao ver uma aeronave pairando no ar? A sensação de liberdade proporcionada pelo helicóptero exerce mesmo um poder de fascinação.

0
0
0
s2smodern
powered by social2s
O segundo dia de comissão começou com o exercício de reabastecimento com simulação de ameaça aérea. O navio-tanque espanhol Marqués De La Enseñada deveria fornecer combustível para a fragata Rademaker sob um iminente ataque aéreo. Acompanhamos toda o evento do passadiço e da área externa, localizada no convés 2. Logo cedo, por volta das 7 horas, os oficiais de serviço se preparavam para o evento. Para nós, civis, ainda havia muito que decifrar. Na verdade, até agora, não sei bem como eles se entendem...

0
0
0
s2smodern
powered by social2s
A constatação de que a expressão “homem-fome” é verdadeira pôde ser confirmada nesta viagem. Sabe-se que a rotina é dura e o trabalho pesado.

0
0
0
s2smodern
powered by social2s
O ponto de partida da Operação Unitas 47-05 foi a Base Naval do Rio de Janeiro localizada em Niterói. Os treze navios participantes saíram na manhã do dia 21 de outubro rumo a uma das mais tradicionais operações da Marinha do Brasil. Compondo a Força-Tarefa brasileira estavam as fragatas Rademaker, Independência e Liberal, a corveta Jaceguai e o submarino Tapajós. Pela Marinha da Argentina, o contratorpedeiro Almirante Brown, a corveta Robinson e o submarino Santa Cruz. A Espanha enviou a fragata Santa Maria e o navio-tanque Marqués de La Enseñada. A Marinha dos Estados Unidos veio com o contratorpedeiro Ross e a fragata Samuel B. Roberts e a Marinha do Uruguai com o navio de apoio logístico General Artigas.

0
0
0
s2smodern
powered by social2s
A Marinha do Brasil é a anfitriã da 47ª edição da Operação Unitas-05. O grupo-tarefa brasileiro, sob a responsabilidade do comandante da 2ª Divisão da Esquadra, contra-almirante Carlos Augusto de Sousa, será composto pelas fragatas Independência, Rademaker e Liberal, corveta Jaceguai e submarino Tapajó. Uma jornalista do PortoGente está acompanhando a operação, a bordo de um dos navios da Marinha do Brasil.

0
0
0
s2smodern
powered by social2s