Transporte / Logística

A bandeira tarifária para o mês de janeiro de 2017 é verde. Conforme relatório do Programa Mensal de Operação (PMO) do Operador Nacional do Sistema (ONS), a condição hidrológica favorável determinou o acionamento de térmica com Custo Variável Unitário (CVU) abaixo de R$ 211,28 por megawatt-hora (R$/MWh).

Em novembro, o custo de vida na Região Metropolitana de São Paulo (RMSP) subiu 0,34% na comparação com outubro quando houve aumento de 0,35%. No acumulado do ano, a elevação foi de 6,12% e 7,15% nos últimos doze meses, valores bastante amenos quando comparados ao mesmo período de 2015, quando as variações eram de 10,49% e 11,30%, respectivamente.

A Agência de Transporte do Estado de São Paulo (Artesp) disponibilizou novo documento para os interessados na licitação de cinco aeroportos paulistas cuja licitação está prevista para o dia 16 de março de 2017. A concessão, que teve o edital publicado no Diário Oficial do Estado de São Paulo...

Pela primeira vez em 12 anos, shopping fecham mais lojas do que abrem.

Pela primeira vez em 12 anos, shopping fecham mais lojas do que abrem.
Mesmo com a abertura de 19 shopping centers em 2016, o setor fechou o ano com saldo negativo de 18.100 lojas, uma queda de 12,9% em relação a 2015, de acordo com dados da Alshop (Associação de Lojistas de Shoppings).
É a primeira vez desde 2004 que a entidade registra um saldo negativo na abertura de lojas, de acordo com Luís Augusto Ildefonso, diretor de relações institucionais da Alshop.
Além do fechamento de pontos, os novos empreendimentos abriram em média com 50% da capacidade de ocupação, diz Nabil Sahyoun, presidente da entidade.
Reflexo desse cenário, os empresários cortaram 36.659 vagas.
A queda nas vendas, resultado do endividamento do consumidor e da restrição do crédito, foi uma das principais razões para o resultado ruim.
Dados da Alshop indicam uma queda real de 9,11% no valor total de vendas do setor em relação ao ano passado. A estimativa é que este ano acumule R$ 140,5 bilhões em vendas - uma queda de quase R$ 5 bilhões em relação a 2015.
Uma das causas para o recuo foi o desempenho fraco das vendas no Natal, período de alta temporada do setor. Dados iniciais da Alshop indicam uma redução real (descontando a inflação) de 8,9% nas vendas em comparação ao mesmo período do ano passado.
O gasto médio do consumidor neste final de ano, por sua vez, caiu 10,8%. Os segmentos de móveis e artigos para o lar, de tecnologia e de comunicação e de eletrodomésticos foram os mais afetados, com variação nominal (sem descontar a inflação) de _14,55%, _12,21% e _10,33%, respectivamente.

Porto se projeta nacionalmente em 2016 e registra a maior taxa de crescimento entre os primeiros 10 portos do país