Tráfego aéreo é intenso em Congonhas - Fonte: Leonardo Wen

Quem vai a São Paulo, seja por trabalho ou lazer, sempre se depara com esta dúvida: afinal, qual aeroporto escolher? Não há uma resposta definitiva para isso: tudo depende de onde você precisa chegar na imensa metrópole. Abaixo reproduzimos um panorama dos três principais terminais que atendem a cidade paulista com suas opções de transporte terrestre. Há ainda uma quarta opção – São José dos Campos – que pode ser útil em alguns casos ou no caso de alguma promoção especial. Confira:

Aeroporto de Congonhas
O aeroporto que fica realmente dentro da Cidade de São Paulo e é o mais bem localizado para a maioria das pessoas. Chegando por Congonhas você estará a 10 minutos (se não houver trânsito) da região empresarial da Berrini, ou 20 minutos (e pelo menos R$ 30) da avenida Paulista. Os ônibus de linha 675I e 675J levam à estação São Judas do metrô. Contudo, a passagem para ele geralmente é bem mais cara que para os outros terminais. Existem muitas opções de transportes por táxis e ônibus, mas não há integração com as linhas de Metrô. A estação mais próxima é a São Judas e fica a cerca de 3 quilômetros, com ligação por várias linhas urbanas. Está em licitação a construção de uma nova linha (17-ouro) ligando o aeroporto ao metrô.

Aeroporto de Guarulhos (Cumbica)
O maior e mais movimentado aeroporto do Brasil é uma boa opção para quem vai para os bairros da Zona Leste e Zona Norte, além de oferecer fácil acesso às rodovias Ayrton Senna/Marginal Tietê e Presidente Dutra. Além disso, as empresas GOL e TAM, disponibilizam ônibus gratuito partindo desse aeroporto para o aeroporto de Congonhas. Há também várias linhas de ônibus da EMTU que ligam Guarulhos a Congonhas e outros pontos da capital paulista com tarifas que variam de R$4 a R$ 33. Também há ônibus para as cidades de Santos, São Vicente, Praia Grande, Campinas e São José dos Campos. Os táxis são tabelados e custam acima de R$ 100 para as regiões mais movimentadas. Há, por fim, um ônibus executivo com seis linhas (tarifas entre R$ 36,50 e R$ 38). Fica a 25 quilômetros da área central.

Aeroporto de Campinas (Viracopos)
Se você vai com a Azul, é uma ótima opção, já que ela tem ônibus executivo gratuito partindo desse aeroporto para Congonhas, Shopping Eldorado, Shopping Tamboré e Terminal Barra Funda em São Paulo, além de Santa Bárbara D’Oeste, Jundiaí, Piracibaca, Sorocaba e Outlet Premium no interior paulista. Os trechos que seguem para a capital, porém, atravessam áreas de tráfego intenso  – conte sempre com algum atraso na hora de marcar seus voos. As demais companhias não oferecem ônibus desse aeroporto para nenhum local. Para quem não voa pela Azul, a melhor opção é o ônibus para o Terminal Rodoviário do Tietê, que oferece acesso ao metrô. A tarifa cista R$ 15, mas só há cinco horários diários. Também há ônibus para a rodoviária de Campinas, de onde sete empresas operam linhas para a capital paulista. Fica a 14 quilômetros do centro de Campinas e a 99 quilômetros e tem acesso pelas rodovias Santos Dumont, Bandeirantes e Anhanguera.

São José dos Campos
O pequeno aeroporto no Vale do Paraíba passou a ser uma opção com as novas rotas da Azul e da Trip. A distância para a Capital não é muito maior que a de Campinas – cerca de 100 quilômetros – com acesso pelas rodovias Ayrton Senna / Carvalho Pinto e Presidente Dutra, mas não há opções de transportes sem passar pela cidade. É a melhor escolha para quem vai ao litoral norte, com acesso à Rodovia dos Tamoios, ou à Baixada Santista, pela Mogi-Bertioga, sem ter de enfrentar o caótico tráfego paulistano. Também é o mais indicado para quem visita Campos do Jordão ou o circuito turístico religioso formado pelas cidades de Aparecida do Norte, Guaratinguetá e Cachoeira Paulista. Tem acesso ao centro de São José dos Campos (12 km) por meio de linha urbana municipal.

Fontes: Melhores Destinos e Viaje na Viagem

Pin It
0
0
0
s2smodern
powered by social2s