Enquanto, para agradar interesses estadunidenses, que não querem ficar sozinhos com a conta da segurança anti-terrorismo de suas instalações - e portanto com a perda de competitividade no mercado que esse custo extra representa - o Brasil e resto do mundo vão tendo de engolir o ISPS Code, como se tivéssemos terroristas atacando por aqui.

Porém, como revela PortoGente, já tem traficante garantindo no Rio de Janeiro sua credencial para ingresso na faixa portuária, de forma a garantir seus "interesses" nos negócios portuários. O que mostra como é falha toda essa "segurança" eletrônica... Afinal, se com satélites espiões e toda aquela parafernália o Bin Laden continua por aí, não vai ser a segurança tupiniquim que o deterá...

Teremos, portanto, em breve, a possibilidade de ver, nos monitores de televisão e em tempo real, a ação dessa gente que todos sabem que existe mas - conforme a moda presidencial - ninguém viu nada. Tudo legal, com cadastro e tudo. Só falta o traficante ser chamado a bater o ponto no cais... com câmeras de segurança e tudo...

Pin It
0
0
0
s2smodern
powered by social2s

*O Dia a Dia é o editorial do Portogente publicado de segunda a sábado e expressa fielmente a posição coletiva dos responsáveis pela redação do website