A Superintendência Estadual de Desenvolvimento Econômico e Infraestrutura (SEDI) oportunizou o encontro de representantes internacionais e empresários brasileiros na sétima edição da Rondônia Rural Show no Espaço Empresarial Internacional.

Com uma programação aparte da feira, o espaço com cerca de 800m² recebeu representantes da Coreia do Sul, Cuba, Peru, Espanha, Bolívia e a Afrochamber, que reúne 57 países africanos e empresas brasileiras que expuseram seus produtos, tais como alimentos, pescado de água doce, indústria têxtil, produtores de óleo, produtos artesanais, indústria de biocosméticos e institucionais como a Sociedade de Portos e Hidrovias do Estado de Rondônia (SOPH) que administra o Porto de Porto Velho e a Secretaria Estadual de Turismo (Setur).

Segundo o superintendente da SEDI, Basílio Leandro, a realização da feira visa facilitar as rodadas de negócios e fomentar o produto rondoniense. “Temos convicção do potencial dos produtos criados aqui. Pretendemos proporcionar oportunidades para os empresários atenderem o mercado interno, expandir para outras unidades da federação, assim como também a exportação e a conquista do mercado internacional. As demandas vão desde alimentos como também tecnologia”, detalhou.

A perspectiva dos organizadores da Rondônia Rural Show este ano é de atingir a meta da movimentação de negócios concretizados em R$ 700 milhões.

Pin It
0
0
0
s2smodern
powered by social2s

*Todo o conteúdo contido neste artigo é de responsabilidade de seu autor, não passa por filtros e não reflete necessariamente a posição editorial do Portogente.

  escreva corporativas