O farelo de soja é uma das principais fontes de proteína para animais, sendo muito utilizada como ração. Dividindo o posto de maior exportador de soja do planeta com os Estados Unidos, o Brasil abastece vários mercados com a sua produção de farelo.

O processamento da soja necessita atender a critérios rígidos de produção, estocagem e transporte. O teor de proteína varia de acordo com a produção.

É importante que a qualidade do farelo seja certificada pelo programa HACCP (Hazard Analysis & Critical Control Points), que confirma a utilização dos mais rigorosos processos de higienização, obedecendo aos padrões internacionais de segurança alimentar.

A cada dia estão sendo ampliadas as aplicações do farelo de soja. A começar pela dieta humana, em que o seu uso indireto em embutidos, por exemplo, vem crescendo 10% ao ano. Além disso, pesquisas em todo o mundo constatam novas e amplas finalidades do produto, como o combate ao colesterol ou a alguns tipos de câncer.

Pin It
0
0
0
s2smodern
powered by social2s