A partir de segunda-feira (4), o trecho da BR-459/SP do km 0, na divisa entre Minas Gerais e São Paulo, até o km 13,65, em Piquete (SP), ficará totalmente interditado. O motivo são as obras de reparo do pavimento, drenagem e capa asfáltica.

                                          Imagem

Leia também

Aparelhamento sem fim na Docas do Rio e um novo modelo para os portos brasileiros

Fundo estrangeiro operará estradas

A interdição foi a única alternativa viável encontrada após análise técnica do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) com participação de vários órgãos, como a Polícia Rodoviária Federal e o Departamento Estadual de Trânsito. A preocupação foi de minimizar os riscos de acidentes durante as obras no trecho de serra, que tem traçado antigo.

No município de Piquete, a rodovia tem 21 km de extensão, com traçado bastante sinuoso por estar nas encostas da Serra da Mantiqueira. Os 9 km iniciais atravessam um trecho da Mata Atlântica.

A estimativa é que, em quatro meses, a rodovia esteja totalmente restaurada e com tráfego normalizado.