Comercial Pg(Imagem: Reprodução/Search Engine Journal)

O Brasil é um país de dimensão continental onde mais de 212 milhões de habitantes (dados estimados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) utilizam, em graus variados, o aparato tecnológico que caracteriza o século XXI.

Ao pensar em tecnologia e acesso à rede mundial de internet, um nicho bastante peculiar toma forma: o iGaming. Um nicho que possui no Brasil um imenso potencial de uso e crescimento, conforme cresce a disponibilidade tecnológica.

Um nicho em evolução rápida

Os últimos 15 anos viram o surgimento do iGaming como um dos setores de crescimento mais rápido do planeta. No final de 2016, a indústria de iGaming valia aproximadamente R$ 215 bilhões, e deve crescer para cerca de R$ 500 bilhões até 2024, de acordo com a Transparency Market Research (TRM), uma empresa especializada em tendências de pesquisa.

Parte da razão para esse crescimento é o ritmo acelerado de avanços tecnológicos, bem como a cultura recente de fusões e aquisições no mundo virtual, que caracterizou os últimos cinco anos de operações na Internet. Apesar de muitos problemas com várias autoridades governamentais em todo o mundo, essa indústria provou que é resiliente e não estagnará tão cedo.

O conceito de iGaming

A sigla inglesa “iGaming” faz referência às maquina caça níquel. Em outras palavras, àqueles jogos que são acessados por dispositivos móveis via internet. O conceito de iGaming, de forma simplista, diz respeito ao ato de apostar no resultado de um evento ou máquina caça níquel.

Entre essas atividades, estão o pôquer, apostas esportivas e cassinos online, sendo que a maior parte do mercado é ocupada por esses dois últimos. Ademais, também existem aplicativos de cassino para dispositivos móveis. Uma parte importante desse conceito de iGaming é o jogador, focado principalmente em descobrir como funciona a máquina caça níquel ou como jogar pôquer online.

Uma tendência com raízes no passado

O ato de jogar, em uma perspectiva histórica da humanidade, tem sido, há milhares de anos, uma atividade popular entre pessoas de todo o mundo, independentemente de suas origens ou posição social.

Os casinos land-based (cassinos físicos) e as salas de jogos proporcionaram aos indivíduos, no decorrer da história, meios para desfrutarem de jogos de azar em locais glamorosos. No Brasil, a exploração desses jogos era permitida até 1946, quando o presidente Eurico Dutra proibiu a prática. A última partida de roleta no país aconteceu no Hotel Copacabana Palace nesse mesmo ano.

Comercial Pg 2Jogadores apostam fichas em um cassino no Rio de Janeiro. (Imagem: Reprodução/Senado)

O jogo online, comumente referido como iGaming, mudou as regras dos jogos land-based e, agora, a maioria dos jogadores desfruta de seus jogos de cassino preferidos na Internet, sem sair de casa. Para o brasileiro, isso significa acesso a jogos de azar de forma prática, rápida e legal.

iGaming no Brasil: um grande potencial

Apesar da proibição de cassinos land-based no país, a ausência de regulação permite que o brasileiro acesse plataformas de jogos de azar estrangeiras. Para tal, a sede da empresa precisa ser no exterior. Isso porque, uma vez que a operação de jogos de cassino é proibida no Brasil, um site baseado em território brasileiro também é considerado ilegal.

Comercial Pg 3Manchete garrafais do Diário Carioca após proibição dos jogos. (Imagem: Reprodução/Senado)

Os sites de cassino que visam o público brasileiro não são, de forma alguma, ilegais em seus países de origem. São empresas sujeitas à regulação e inspeção das autoridades locais para que a experiência do jogo seja honesta, imparcial e segura.

Com essas informações em mente, fica fácil perceber como o Brasil é um local extremamente propício para o crescimento do iGaming. Um país onde o cassino físico é proibido, mas onde não há leis que proíbam a operação de cassinos estrangeiros no país. O Brasil, de dimensões continentais, torna-se, pois, uma fonte colossal de usuários que usam a internet para acessar aquilo que não lhes é permitido em território nacional.

Comercial Pg 4Cassino land-based. Imagem: Reprodução/XSNoise)

Futuro brilhante pela frente

A indústria de jogos de azar online está se fortalecendo e a cada ano que passa, o número de jogadores ativos aumenta. Hoje, os dispositivos móveis trazem o maior número de jogadores, apelando especialmente para apostadores sociais e casuais.

A perspectiva de utilizar smartphones e tablets com diversos sistemas operacionais para desfrutar de todos os jogos disponíveis em moeda real e virtual é, para muitos brasileiros, simplesmente irresistível. Atrelado a isso, ainda há o fato de que os meios de pagamento costumam ser muito variados, de forma a atender todos os jogadores.

Nos próximos anos, é provável que a realidade virtual impulsione o iGaming para novos patamares, à medida que essa tecnologia incrível se torne mais poderosa e acessível aqui no país. Os jogos de RV são imersivos e serão uma verdadeira ferramenta para captar jogadores.

Por enquanto, o iGaming depende principalmente da expansão das já abrangentes seleções de jogos populares disponíveis nos principais cassinos. O Brasil, sem dúvidas, é um país que representa uma fonte gigantesca de usuários dessas plataformas online – e, com certeza, irá aumentar cada vez mais.

Pin It
0
0
0
s2sdefault
powered by social2s

O que você achou? Comente