Operação da Polícia Federal está transportando à cadeia na manhã desta quinta-feira, 18 de junho, Fabrício Queiroz, homem de confiança durante toda a vida pública do presidente Jair Bolsonaro. Queiroz foi encontrado em Atibaia, no interior de São Paulo, na casa de Frederick Wassef, advogado de Flávio Bolsonaro e que esteve na posse do novo ministro das Comunicações, Fábio Faria (PSD-RN), em Brasília, nesta quarta-feira.

A divulgação da movimentação aparentemente ilegal de R$ 1,2 milhão por Queiroz, entre janeiro de 2016 e janeiro de 2017, no caso "rachadinha" de Flávio provocou o primeiro desgaste da gestão Bolsonaro antes mesmo que ela começasse. Desde então, Queiroz tem sido a maior dor de cabeça do presidente, sempre escondido e sem atender aos pedidos de investigações sobre as rachadinhas.

Queiroz está sendo levado a São Paulo, capital, e pode se transferido ainda hoje para o Rio de Janeiro, onde foi expedido seu pedido de prisão.

Pin It
0
0
0
s2sdefault
powered by social2s

O que você achou? Comente