Medidas de proteção reforçadas compartilhadas com os parceiros sociais e implementadas antes do reinício das atividades produtivas.

"A proteção e o bem-estar de nossos colaboradores e de suas famílias continuam sendo as prioridades no gerenciamento das nossas operações", a observação é do vice-presidente Sênior de Operações Monozukuri América Latina do Groupe PSA. Para tanto, foi implantado um Protocolo Reforçado de Medidas de Proteção no Polo Industrial Brasil, em Porto Real, e em todas nossas unidades. "Isso propiciou um alto nível de proteção para nossos colaboradores e é o primeiro critério analisado ao reiniciarmos as operações em nossas unidades de produção. Como a atividade da manufatura é impulsionada pela comercial, que é o nosso segundo critério, estamos reiniciando de forma gradual e segura nosso sistema industrial para fabricar os veículos desejados por nossos clientes. Esses dois critérios guiarão nossas decisões nas próximas semanas e meses", informa o executivo. 

"Desde a interrupção da produção em Porto Real, temos implementado um protocolo de saúde reforçado na unidade, com o apoio de nosso serviço médico e em estreita colaboração com nossos parceiros sociais. Graças a esse esforço coletivo, validado por uma auditoria realizada no local, poderemos retomar a fabricação de veículos e motores nesta unidade de maneira gradual e segura", completou Itamar de Souza, Diretor do Polo Industrial Brasil do Groupe PSA.

Desde o início da crise sanitária relacionada à pandemia do novo coronavírus (Covid-19), a prioridade do grupo empresarial foi a de proteger a saúde de seus colaboradores e de garantir a sustentabilidade da empresa. 

A retomada gradual e segura da produção da unidade de Porto Real deverá ocorrerá a partir do próximo dia 23 de junho, dependendo da situação do País no momento. Com esta abordagem gradual e responsável, a empresa age em linha com seu compromisso de proteger seus colaboradores e famílias, bem como seus clientes, ao mesmo tempo em que garante a sua sustentabilidade.

1. Algumas das medidas implementadas:
• Usar, sempre que possível, o transporte individual. Para carona e transporte público, fornecimento de máscaras e uso de regra predefinida de preenchimento dos assentos (organização escalonada na parte de trás do ônibus).
• Verificação de temperatura antes da entrada na unidade, além da folha de automonitoramento de sintomas requerida (14 dias sem febre e outros sintomas).
• Fornecimento individual de máscaras e disponibilidade de álcool em gel.
• Uso de óculos e máscaras no local.
• Respeito ao distanciamento social em todos locais, incluindo áreas de descanso.
• Manutenção das portas abertas (exceto as portas corta-fogo) para evitar o contato com as maçanetas.
• Limpeza frequente de ferramentas e superfícies de trabalho.
• Tempo de espera durante qualquer troca de peças não preparadas no ambiente da unidade.

Pin It
0
0
0
s2sdefault
powered by social2s

O que você achou? Comente