O anúncio do ”Primeiro painel internacional de discussão técnica do Projeto Prestes Maia” para discutir a travessia seca entre os municípios de Santos e Guarujá (São Paulo), leva inevitavelmente ao anúncio há quase dois anos da construção e apresentação pública da maquete dessa travessia por uma ponte estaiada, pelo então governador José Serra.

Talvez melhor dizer que há décadas essa travessia não sai do papel. Com a aproximação das eleições municipais e o empenho do atual governador em montar uma estratégia para obter bons resultados para seus candidatos, tem abundado anúncios de novas soluções para velhos problemas.  De fato, apenas esses problemas têm se agravado, como a segurança na principal via do Estado, a Imigrantes.

Nesse rol de factoides do governo tucano de São Paulo que se arrasta por décadas, está o sistema de Veículo Leve sobre Trilho da Baixada Santista. Há mais de 12 anos o Governo do Estado do PSDB vem produzindo material, como vídeos no YouTube, para anunciar a implantação de um sistema de transporte coletivo tão esperado pela sociedade, mas que conflita com os interesses dos concessionários de ônibus. Mais uma vez o assunto volta à baila, e os prazos, para abertura das propostas do projeto no final deste ano e do início das obras em junho de 2012, apontam para mais uma promessinha.

Depois de mais de uma década de frustrações com projetos de infraestrutura propostos pelo Governo de São Paulo para a região do mais importante porto do Hemisfério Sul, o Porto de Santos, resta a pergunta: dessa vez é pra valer?

Pin It
0
0
0
s2sdefault
powered by social2s

*O Dia a Dia é o editorial do Portogente publicado de segunda a sábado e expressa fielmente a posição coletiva dos responsáveis pela redação do website

O que você achou? Comente