O prefeito eleito de Itajaí (SC), Jandir Bellini (PP), confirmou à imprensa que o porto municipal terá um novo superintendente a partir de 2009. Trata-se do engenheiro civil Antonio Aires dos Santos Júnior, que comandou o porto em 2004. Ele terá a árdua tarefa de conduzir o processo de reconstrução do cais itajaiense, destruído após as chuvas de novembro.

 

Para quem reclama de falta de técnicos no comando das Autoridades Portuárias, o currículo de Antonio Aires prova justamente o contrário. Pós-graduado em engenharia financeira pela Univali, ele cursou gestão portuária em Gênova, na Itália, e integrou o Conselho de Autoridade Portuária (CAP) e o Conselho de Supervisão do Órgão Gestor de Mão-de-Obra (Ogmo) local.

 

Além disso, Antonio exerceu o cargo de diretor financeiro do Porto de Itajaí em 1999, para em seguida, se tornar diretor comercial da instituição. Em 2004, foi nomeado superintendente do segundo porto do País em movimentação de contêineres. Nos últimos tempos, ele comandava um terminal privado em Itajaí, o Trocadeiro, de propriedade da empresa Dalçoquio.

 

Em entrevista ao site NetMarinha, o futuro superintendente destacou que pretende melhorar o diálogo com o Porto de Navegantes e descartou qualquer possibilidade de federalização do Porto de Itajaí. “Nós devemos aproveitar o momento para modernizá-lo. Quero incentivar o diálogo entre todos os usuários, governo, operadores e mão-de-obra. Pretendo criar uma diretoria de Integração Portuária”.

 

Será que, quatro anos após administrações e indicações ligadas ao PT, o Porto de Itajaí sairá ganhando com seu novo comandante? E a melhora no diálogo com o Porto de Navegantes é possível ou não vai passar de uma boa intenção? Perguntas como essas poderão ser respondidas a partir do mês que vem.
Pin It
0
0
0
s2sdefault
powered by social2s

*O Dia a Dia é o editorial do Portogente publicado de segunda a sábado e expressa fielmente a posição coletiva dos responsáveis pela redação do website

O que você achou? Comente