O Departamento de Geociências da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC)  organiza a XXXII Semana da Geografia, que tratará do tema “A geografia e o mar: a questão portuária”, desta segunda-feira (19) a próxima sexta-feira (23), na universidade, em Santa Catarina.

 

O presidente da Comissão Organizadora da Semana, José Messias Bastos, diz que o objetivo é ligar a disciplina às constantes reestruturações nos fluxos de mercadorias internacionais e de cabotagem, na logística, na relação cidade-porto, na modernização dos portos, nas desregulamentações e regulamentações portuárias, no gerenciamento costeiro e nos impactos ambientais. “Nossa ideia é conectar os estudos da Geografia e suas diversas linhas com o mar, abordando temas importantes para o desenvolvimento socioeconômico e a sustentabilidade ambiental, pensando a gestão dos portos e das cidades litorâneas”.

                                                                        

Pesquisadores do Departamento de Geociências da UFSC, juntamente com profissionais de outras universidades, aprovaram em janeiro último um projeto para estudar a “Dinâmica dos Portos no Brasil e no Mundo”, que será tema de uma das mesas do evento. “Nosso objetivo é observar essa dinâmica referente ao mundo e como se comportam os portos em termos de movimentação de carga, modernização e dinamismo. No Brasil vamos verificar a política de modernização do governo, novos portos, terminais de contêineres na faixa Atlântica e na região Amazônica”, conta Messias. O projeto vai investigar que empresas operam e quais cargas são movimentadas.

 

Na programação estão previstas palestras sobre “Reestruturação dos Portos no Brasil”, “Terminais Petrolíferos e Contêineres”, “Gestão Costeira” e “Os portos do Cone Sul”.  Também acontecerão apresentações de trabalhos de pesquisadores, professores e estudantes, para fazer um intercâmbio de conhecimentos na área. “Essa reunião de estudiosos ajuda no debate sobre a produção científica voltada para compreender a relação entre os estudos da geografia e o mar”, afirma Bastos.

 

O evento vai reunir projetos de ensino, pesquisa e extensão de diferentes regiões do país e quer fortalecer o intercâmbio de conhecimentos e experiência entre a academia e profissionais.

Pin It
0
0
0
s2sdefault
powered by social2s

O que você achou? Comente