Capital do Rio Grande do Norte, Natal fica com seu cenário de verão ainda mais bonito quando recebe um cruzeiro, como o Seabourn Sojourn, que é o segundo da nova temporada iniciada em novembro de 2017. É um dos luxuosos navios apresentados pela companhia Dreamlines, e está em serviço desde 06 de junho de 2010.

Leia também

WebSummit 2018 Porto Sustentável

O navio de 198 metros que trouxe 414 passageiros teve última parada na Ilha Devil's Island, vulgarmente conhecida como Ilha do Diabo, na Guiana Francesa. Chegou em Natal às 7h desta quarta-feira (17) e partiu ao final da tarde para Recife, capital pernambucana.

A estimativa é que cada passageiro gasta uma média de U$ 200 dólares ao passar o dia em programação pelas praias de Pipa, Genipabu e Maracajaú, que são oásis do estado. Outros optam por conhecer o comércio local e visitar pontos turísticos, aquecendo o comércio e movimentando a economia. E já está programado um navio de turismo para o próximo dia 23 podendo até ultrapassar a temporada passada, que teve dez cruzeiros.

"Isso mostra a importância do Porto de Natal e deve sensibilizar o seguimento do turismo a buscar mais cruzeiros para a nossa cidade, até porque pesquisas indicam que a maioria desses turistas retornam em outra oportunidade para a cidade ocupando e beneficiando também a rede hoteleira", destaca o presidente da Companhia Docas do Rio Grande do Norte (Codern), Emerson Fernandes Daniel Júnior.

Seabourn Sojourn

As cozinhas a bordo do cruzeiro Seabourn Sojourn estão sob a direção do famoso chef Charlie Palmer, que já recebeu o Prêmio James Beard (considerado "óscar da culinária"). Como membro do Chaîne de Rôtisseurs, o staff da cozinha está dedicado em assegurar menus criativos, modernos e encantadores.

O cruzeiro possui biblioteca, café, área multimídia, casino, grande variedade de artistas musicais, comediantes, dançarinas e DJ's, spa, sauna, pista de golf, jacuzzis, além de uma marina de esportes retratável, aonde é possível praticar windsurf, ski aquático, caiaque, etc. A marina está protegida por redes de metal, tornando seguro nadar diretamente na água do mar. Sem falar na diversidade de lojas para aqueles que procuram fazer algumas compras.

Pin It
0
0
0
s2sdefault
powered by social2s

O que você achou? Comente