Allen Habert* Engenheiro de produção e diretor do Sindicato dos Engenheiros no Estado de São Paulo (Seesp)

Estes meses vividos na pandemia em comunhão com muita gente fez dessa grande comunidade, que se uniu em torno de um objetivo difuso,incerto,esfumaçante de refundar o Crea-SP e o Confea uma bela e única experiência.

todos com engenharia interna

Conhecemos e convivemos com muitos que conhecíamos há muitos anos ou que acabávamos de encontrar.

As notícias pequenas e grandes foram se sucedendo.Tivemos apreensões,alegrias,júbilos, dúvidas.

Foi uma devoção aos outros que moveu a cada um. Uma potência de agir. Uma energia crescente.

Muitos olharam de longe. Outros mais de perto.

A roda da história foi fazendo o resto.

Às vésperas de um dia longo colhemos a certeza. Valeu a pena.

Fazemos parte de um lado que sempre nos ajudou a avançar. É o lado da democracia. Com ela mudamos e transformamos a vida de todos.

Hoje, dia da eleição e da mudança, será uma jornada de alegria e muita conversa.

Cada um com sua excelência,sua personalidade,seu talento.

Um fio invisível nos une. A ideia forte que podemos reconstruir de uma instituição a um País.

A convicção de que cada um fez algo importante e intransferível para este mosáico. Apostamos na grande política. Colhemos ventos fortes e água fresca.

Uma onda vai varrer o Estado de São Paulo. Em todas as direções.

Vamos virar uma página triste e apequenadora do vigor de nossa engenharia e de nossas categorias.

Um novo futuro já nasceu. Um ciclo novo, uma esperança nova.

Construído por centenas de guerreiras e guerreiros. Milhares virão elevar e fazer crescer esta chama.

Será um momento único de união de nossas categorias e de nossos espíritos. A engenharia, a tecnologia, as inteligências coletivas a serviço do interesse público, do bem viver e da qualidade de vida de cada brasileiro. Um compromisso indelével com os jovens, os mais fragilizados e o desenvolvimento.

Vamos conquistar juntos com garra e vontade uma nova representação da engenharia,da geologia,das biociências e dos profissionais nos destinos da Nação neste século 21. Ousar concluir a nossa independência brasileira inacabada.

Até a vitória!

Alegria soberana!!!

Pin It
0
0
0
s2sdefault
powered by social2s

*Todo o conteúdo contido neste artigo é de responsabilidade de seu autor, não passa por filtros e não reflete necessariamente a posição editorial do Portogente.

O que você achou? Comente