A classificação ABC, além de previsão e controle de estoque, pode ser usada:
  • Para definição da freqüência e critério de seleção, nos casos de adoção de levantamento físico por amostragem;
  • Estabelecer diferentes períodos para a revisão dos níveis de estoque;
  • Determinação do estoque de segurança para os diferentes níveis de estoque para as classes ABC.
A classificação ABC, baseada em valor de demanda tem sido utilizada para atender três aspectos básicos de gestão dos estoques, que são os seguintes:
  • Assegurar que os itens de maior valor sejam analisados em menores intervalos de tempo, isto é, itens de maior valor de demanda devem ser analisados com maior freqüência do que aqueles de menor valor de demanda. Como descrito por Nigel Slack et al (1996, p. 297) "Os itens com movimentação de valor particularmente alta demandam controle cuidadoso, enquanto aqueles com baixas movimentações de valor não precisam ser controlados tão rigorosamente".

  • Assegurar que os itens de menor valor sejam comprados ou fabricados em menor freqüência, de maneira a evitar muito trabalho nas áreas de compra, em termos de negociação e emissão de pedidos freqüêntes de pequenos valores. Na área de produção, que não sejam produzidos lotes de itens de pouco valor com muita freqüência, pois os custos de mudança de produto na linha de produção, em virtude de perdas de material ou tempo perdido nas trocas, tornarem tais mudanças antieconômicas.

  • Identificar em ordem de importância os itens estocados, pelo pressuposto de que se eles são de alto valor também o são em termos de importância.
Pin It
0
0
0
s2sdefault
powered by social2s
O que você achou? Comente