Em carta endereçada ao diretor-presidente da Companhia Docas do Rio Grande do Norte (Codern), Almirante Öberg, a CMA CGM comunicou a retomada de operações no Porto de Natal, que tinham sido suspensas após a apreensão de drogas no mês de fevereiro.

CGM Codern

"Primeiramente gostaríamos de agradecer a atenção dada ao nosso Ofício e aos nossos pleitos durante a reunião em Brasília, em 1º de março último. Agradecemos ainda o envio do Plano de Ação detalhado, assim como os esforços que estão sendo realizados pela Diretoria da Codern com o apoio da Secretaria de Portos", diz trecho da carta, que logo em seguida confirma a operação do navio programada para o dia 06 de abril.

O novo presidente da Codern tomou uma série de medidas a começar pelo diálogo estreito com a CMA CGM, órgãos de fiscalização e a elaboração de um Plano de Ação para a Segurança com medidas que já começaram a ser implantadas e estão sendo verificadas pessoalmente pelo dirigente que, no dia 21 último, fez uma vistoria em todas as áreas do Porto de Natal, ao lado de funcionários do setor de Engenharia e Segurança.

"Agradeço o voto de confiança da CMA CGM. Reafirmo a nossa disposição em transformar o Porto de Natal em uma referência nacional no que se refere a Segurança, recuperando ainda em 2019 a certificação do Código Internacional para Proteção de Navios e Instalações Portuárias (ISPS CODE). Providências estão sendo tomadas e o Porto de Natal vai seguir o seu funcionamento normal", disse o Almirante.

CMA CGM

É uma empresa francesa de transporte marítimo e conteinerização sediada em Marselha. Ela foi fundada em 1996 a partir da fusão da Compagnie Maritime d'Affrètement com a Compagnie Générale Maritime. A CMA CGM é a quarta maior empresa mundial de seu ramo, navegando por mais de duzentas rotas entre 420 portos em 150 países, entre eles, o de Natal (RN).

Pin It
0
0
0
s2smodern
powered by social2s