Depois de uma perceptiva queda nos valores do combustível em novembro, o preço da gasolina comum se manteve estável durante o último mês de 2018. Enquanto novembro registrou preços entre R$ 3,39 e R$ 7,29 o litro – representando uma oscilação de 115% –, dezembro teve uma variação de 124%, de acordo com levantamento realizado pela ValeCard, empresa especializada em soluções de gestão de frotas. Os postos credenciados à marca espalhados pelo Brasil apresentaram, no último mês, preços que iam de R$ 3,19 a R$ 7,15 por litro.

No caso da gasolina aditivada, a pesquisa da ValeCard mostrou uma queda na variação de preços: de 75,2%, passou a 68,7% em dezembro, com valores que iam de R$ 3,49 a R$ 5,89 o litro. Além disso, o etanol comum pôde ser encontrado, durante o mês, com valores que iam de R$ 2,12 até 4,79 o litro, o que representa uma oscilação de 126%, enquanto o etanol aditivado variou 83,6% - com preços entre R$ 2,39 e R$ 4,39.

Mas como saber se está valendo mais a pena abastecer com gasolina ou etanol? Adriano Gomes, professor de Administração da ESPM e Sócio-Diretor da Méthode Consultoria, explica que o cálculo é simples. "Basta dividir o preço do litro de etanol pelo preço da gasolina. O resultado indiferente é 0,70. Se for inferior a 0,70, opte pelo etanol. Se maior, a melhor opção é a gasolina."

O levantamento da ValeCard é feito por meio do registro das transações realizadas com o cartão de abastecimento da própria empresa em postos credenciados por todo o País.

Pin It
0
0
0
s2smodern
powered by social2s