A Gol Linhas Aéreas e a LATAM Airlines Brasil adquiriram, em leilão realizado nesta quarta-feira, dia 10 de julho, ativos de Unidades Produtivas Isoladas (UPIs) da Avianca (Oceanair Linhas Aéreas S.A.), companhia que entrou em recuperação judicial em abril deste ano. Dessa forma, o mercado aéreo brasileiro fica ainda mais concentrado e com menos concorrência. A política do Ministério da Infraestrutura é voltada a atrair companhias estrangeiras, por meio de publicação de Medida Provisória (MP) que autoriza a atuação de empresas 100% estrangeiras em ambiente nacional.

transporteaereo avianca
Aeronave da Avianca inutilizada - Foto: Fabio Pozzebom/Agência Brasil

Leia também
* Bolsonaro sanciona MP para atração de aéreas estrangeiras e veta gratuidade de bagagens
* Cinco tendências para o mercado de transporte aéreo de cargas em 2019

A GOL realizou lances no valor de US$ 77.310.000 para aquisição das UPIs. Com a compra, a companhia passa a deter os direitos de uso dos horários de pouso e decolagem de voos (slots) nos aeroportos de Congonhas, Santos Dumont e Guarulhos, bem como certificados de operador aéreo. A LATAM, por sua vez, obteve os direitos do lote UPI B e C, utilizando créditos prioritários para a aquisição.

A aprovação dos leilões necessita ser ratificada pelo Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) e a autorização da transferência dos slots cabe à Agência Nacional de Aviação Civil (Anac).

Pin It
0
0
0
s2smodern
powered by social2s