O Complexo Portuário de Itajaí(SC) fechou o primeiro trimestre de 2017, com base final no mês de março, apresentando um registro de 76 escalas, totalizando a movimentação de 977.075 toneladas.

Na movimentação acumulada dos três primeiros meses deste ano, foram realizadas para 237 escalas, com 2.963.051 toneladas significando um crescimento de 7% na movimentação total em relação ao mesmo período do ano anterior. O número de escalas cresceu 4% no mesmo período em 2016.

Na movimentação total do complexo no segmento de cargas conteinerizadas o mês de março registrou 88.400 TEU’s com 903.487 toneladas, elevando a movimentação acumulada do ano para 266.068 TEU’S com 2.733.454 toneladas verificando-se um crescimento de 8% em relação ao mesmo período do ano anterior.

Héder Cassiano Moritz, assessor de direção da Superintendência do Porto de Itajaí, destaca que mesmo enfrentando um período de crise econômica o complexo apresentou condições operacionais favoráveis e possivelmente segue uma tendência de crescimento até o final de 2017 entre 10% a 12%.

Outro fator em específico que poderia elevar ainda mais os números diz respeito à falta de movimentação operacional nos berços 3 e 4, que ainda estão em obras, “Os números indicam que durante esse primeiro trimestre de 2017 nós tivemos uma recuperação em nossas movimentações e apresentamos uma evolução em relação ao mesmo período de 2016".

Na comparação da movimentação total de contêineres do complexo no período de abril de 2016 a março de 2017 (últimos 12 meses) verificamos que foram movimentados 1.121.728 TEU’s com 11.177.761 toneladas observando-se um crescimento de 13% em relação ao período de abril de 2015 a março de 2016 quando foram movimentados 988.573 TEU’s com 10.206.936 toneladas.