Escolha certa dos móveis hospitalares contribui para o bem-estar dos pacientes

A relação entre os móveis hospitalares e o consequente bem-estar dos pacientes é verdadeira. Assim como as cores e a iluminação do ambiente, os móveis para clínicas médicas e hospitais são capazes de influenciar positivamente, ou não, o bem-estar de quem frequenta o local.

A arquitetura hospitalar é desenvolvida a partir de projetos que precisam pensar na divisão de espaços e até mesmo na escolha dos móveis hospitalares, contribuindo para que pacientes e funcionários sintam-se acolhidos.

A escolha certa do mobiliário hospitalar é de extrema importância. Entenda, a seguir, como as longarinas para hospital e sofá para recepção, por exemplo, influenciam não apenas no bem-estar, mas também na rápida recuperação dos pacientes.

Cuidando da saúde desde a entrada: sofá para recepção

A entrada de qualquer estabelecimento define os sentimentos e a primeira impressão daquele que passa pelo local. Com os hospitais e consultórios não é diferente. Por essa razão, escolher as poltronas para sala de espera e recepção corretas mudam o ambiente.

Uma sala de espera muito fechada ou com sofás para recepção desconfortáveis podem gerar desconfortos para o paciente que, muitas vezes, está passando por momentos delicados.

Ficar atento às acessibilidades também é uma dica. Além das vias de acesso liberadas para cadeirantes, pensar nos obesos é importante. Poltronas para obesos são fáceis de serem encontradas e fazem a diferença no mobiliário da recepção.

Quarto hospitalar: camas e mesas de cabeceira

Quando o paciente sai da recepção e o cenário muda, pode ser que ele precise ficar internado para a realização de exames e cirurgias. Nesse momento, a escolha dos móveis do quarto hospitalar também pode ser decisiva no estado emocional do paciente.

Além do leito, outros móveis de hospital precisam compor o quarto para tornar o ambiente mais leve. Um deles é a mesa de cabeceira e o criado mudo, que podem servir de apoio para itens pessoais que precisam estar à disposição do paciente.

Outro móvel que precisa de atenção é o assento de acompanhantes. Nesse caso, as poltronas reclináveis são as ideais e mais recomendadas, já que oferecem conforto para quem acompanha o doente.

Pensando no conforto dos colaboradores

O conforto e bem-estar dos pacientes deve ser priorizado, mas pensar no conforto do ambiente de trabalho dos colaboradores do hospital ou dos consultórios também deve estar na lista.

Para as atendentes, escolher boas cadeiras de escritório, como as giratórias e as cadeiras de atendente ergonômicas são capazes de influenciar no atendimento das recepcionistas e, consequentemente, na satisfação dos pacientes.

Pin It
0
0
0
s2sdefault
powered by social2s

*Todo o conteúdo contido neste artigo é de responsabilidade de seu autor, não passa por filtros e não reflete necessariamente a posição editorial do Portogente.

O que você achou? Comente