Certamente, você conhece e já viu algum cachorro buldogue francês de alguém da vizinhança ou até mesmo o seu próprio. Isso porque, nos últimos anos, essa raça tem se tornado uma verdadeira queridinha – podemos até dizer que se tornou a raça da moda.

Não se sabe se foi o ar descontraído ou a carinha de bobalhão que conquistou os corações. Mas, o fato é, que aqui no Brasil, a cada esquina, você encontra um buldogue francês passeando por aí.

Agora, você já parou para reparar que também existe o buldogue inglês? É uma outra raça, aparentemente bem diferente, mas que possui suas semelhanças.

À primeira vista, o buldogue inglês tem um porte ligeiramente maior, mais forte e com um ar de mal-encarado. Já o buldogue francês é menor e parece ter uma personalidade fofinha. Será que essas são as únicas diferenças entre eles? Existem semelhanças ou apenas o nome? Descubra tudo isso agora.

A história da raça

Muitas pessoas ainda confundem as duas raças ou ainda não sabem diferenciar um cachorro de outro quando encontram pela rua. Apesar de algumas diferenças serem notáveis, os dois apresentam muitas semelhanças também.  Não é difícil se apaixonar por qualquer um que seja, verdade seja dita.

Apesar de os primeiros buldogues terem surgido originalmente na Inglaterra, a raça se espalhou por alguns países, onde tiveram início novas linhagens. Os buldogues franceses surgiram diante da rejeição de muitas pessoas aos filhotes que nasciam com porte menor que o habitual.

Esses “rejeitados” acabaram sendo levados para a França em dado momento e foram cruzados com cachorros de algumas raças locais. A partir daí, as miniaturas de buldogues – como ficaram primeiramente conhecidos – conquistaram os corações dos franceses, apesar da fama de serem fedorentos.  

Diferenças

De início, as diferenças físicas são as mais fáceis de serem percebidas. A variação francesa do buldogue apresenta orelhas retas, parecendo um morcego mesmo. Essa característica é bem marcante dessa raça e ajuda na composição de um ideal de cachorro fofo e bem-humorado.

Apesar de os dois tipos apresentarem dobras na pele do rosto, o buldogue inglês tem mais. Além disso, as orelhas dele são mais baixas e inseridas na cabeça. Como já é possível observar pela sua aparência, o inglês não gosta muito de fazer exercícios, preferindo brincar dentro de casa.

Já o buldogue francês é completamente o oposto, adoram brincar e correr. Os cachorros dessa raça têm bastante energia para isso. Apesar de não latirem muito, adoram ser o centro das atenções.

Semelhanças

As principais semelhanças entre as duas raças estão relacionadas à saúde. Apesar de apresentarem aparências um pouco diferentes, os exemplares de buldogue francês e inglês são acometidos pelas mesmas doenças.

Em relação às dobras na pele que os dois apresentam, os cuidados devem ser específicos. As mesmas devem sempre ser mantidas limpas e secas. Caso contrário, podem evoluir para assaduras e diversos problemas dermatológicos.

Os donos desses dois tipos de cachorro devem ficar atentos aos sinais de obesidade ao longo da vida. Essa é uma preocupação que deve ser levada a sério, já que pode causar problemas tanto nos joelhos quanto nas articulações. Por isso, os cuidados com a alimentação balanceada devem ser dobrados.

Ainda falando sobre saúde, a próxima semelhança é uma que acomete muitos cachorros de focinho achatado. Tanto o buldogue francês quanto o buldogue inglês roncam – e bastante! – por conta da sua formação nasal. A forma encurtada do seu focinho gera problemas respiratórios.  

Em relação à pelagem, apresentam variações muito parecidas. As duas raças possuem pelos curtos e fáceis de limpar. Normalmente, diferem apenas nas cores. Enquanto o buldogue francês pode ser visto na cor creme, branca, preta e fulvo, o inglês é visto em branco, tigrado, areia e marrom claro.

 

Apesar de todas essas características, é impossível negar que os cachorros das duas raças são adoráveis. Certamente suas personalidades alegres e enérgicas conquistam o coração de qualquer um. Tanto o buldogue francês quanto o inglês podem ser uma ótima companhia!

Pin It
0
0
0
s2smodern
powered by social2s

*Todo o conteúdo contido neste artigo é de responsabilidade de seu autor, não passa por filtros e não reflete necessariamente a posição editorial do Portogente.

  escreva corporativas