Tudo sobre o móvel que te proporcionará muito conforto.

Apesar de receber esse nome, a poltrona do papai é um móvel que pode ser utilizado por todos os moradores da casa. Conforto é o seu principal benefício, afinal trata-se de uma poltrona reclinável e robusta.

Nos filmes antigos, era comum ver o patriarca de uma família sentado nessa cadeira para os momentos de relaxamento, concentrado em seu jornal. Hoje a ideia de tê-la é válida até para complementar a decoração ou incentivar a proximidade entre pais e filhos.

Você está pensando em ter esse móvel em casa? Confira as vantagens e como escolher o melhor modelo.

Vantagens da poltrona do papai

A principal vantagem de investir na poltrona é o conforto. No entanto, não se resume apenas a isso. O móvel é perfeito para descansar, ler ou assistir TV, sem contar que pode ser uma ótima opção para substituir o sofá na casa de alguém que vive sozinho.

Alguns modelos possuem massageador, que permite que enquanto se realiza alguma atividade, como a leitura, também se receba uma massagem gratuita feita pela própria poltrona. Além disso, já existem versões com dois lugares, ótimas para casais aproveitarem momentos juntos.

Para os papais e mamães de plantão, a cadeira pode ser ótima para passar algum tempo com os filhos pequenos, incentivando a leitura ou conversando sobre o dia na escola.

Usos indicados

Por ter tantas funções e ajustes, a poltrona pode servir para relaxar, ler, conversar, tirar um cochilo e até meditar. Para isso, escolha um ambiente adequado, que transmita a mesma sensação. Falaremos mais sobre essa questão no próximo tópico.

Em qual cômodo colocá-la

Antes de definir o cômodo no qual deixará a cadeira do papai, considere o que acontece nesse espaço, sua movimentação, tamanho e o objetivo de ter o móvel em casa. Por exemplo: para quem recebe muitas visitas ou tem uma família sempre reunida na sala, o melhor é ter um sofá, para receber e acomodar várias pessoas.

Agora, se o objetivo é aproveitar um momento ao lado do bebê ou criança, pode deixar o móvel no quarto de brinquedos ou do filho. Solteiros e casais sem filhos também podem aproveitar para deixar a poltrona na sala de TV ou no quarto.

Como escolher sua poltrona do papai

Antes de ir às compras é importante saber que a poltrona é um móvel robusto. Isso significa que ocupará bastante espaço no cômodo em que será colocada. Para acertar na escolha, siga as recomendações abaixo:

Tamanho do móvel

Em média, deve existir uma distância de 60 a 70 centímetros entre a cadeira, outros móveis da casa e as paredes. Esse espaço garante o conforto e permite aproveitar todas as funções da cadeira — sobretudo modelos que deitam o encosto — sem risco de danificar o que estiver por perto ou a própria poltrona.

Além disso, considere também o espaço disponível em cada local da casa. Cômodos menores podem ficar ainda mais apertados se você decidir deixar a poltrona do papai ali.

Cores da poltrona

Quanto às cores, há bastante liberdade para escolher. É válido, inclusive, apostar nas suas preferidas. No entanto, a regra segue igual àquela utilizada na compra de um sofá. Tem crianças ou pets em casa? Opte por tons mais escuros, para evitar manchas de sujeira.

Tecidos da poltrona

Na escolha dos tecidos, a poltrona pode ser encontrada em couro, linho, sintético e suede. Se não há a intenção de colocar uma capa por cima — e há tendência de sujar o tecido — prefira os mais fáceis de limpar. O couro dá um toque chic ao ambiente, mas pode não ser muito confortável em cidades de clima quente.

Pin It
0
0
0
s2sdefault
powered by social2s

*Todo o conteúdo contido neste artigo é de responsabilidade de seu autor, não passa por filtros e não reflete necessariamente a posição editorial do Portogente.

O que você achou? Comente