Debate amplo para assegurar melhorias para os portos e as cidades

É o que defende o deputado estadual Paulo Correa Jr. no prosseguimento do debate sobre a melhor r...

Leia Mais

Isolamento social amplia oportunidades para startups de segurança eletrônica

Sistemas pouco utilizados até agora passaram a ter importância maior e devem manter esse novo st...

Leia Mais

Blog do Bruno Merlin

China procura terminal de grãos para compra e estuda investir em novos trechos ferroviários no Brasil

O presidente binacional da Câmara de Comércio e Indústria Brasil-China, Charles Tang, detalhou ...

Leia Mais

Portos do Brasil

Rio Grande prioriza dragagem do Canal da Feitoria e busca renovar delegação da concessão

A Superintendência da Portos RS anunciou para os próximos dias o início dos serviços de dragag...

Leia Mais

A Vale informa que identificou ao longo da madrugada desta sexta-feira, 31/5, o desprendimento de fragmentos do talude norte da cava da Mina de Gongo Soco, em Barão de Cocais (MG). Esses blocos se acomodaram no fundo da cava. As primeiras avaliações indicam que o material está deslizando de forma gradual, o que até o momento corrobora as estimativas de que o desprendimento do talude deverá ocorrer sem maiores consequências.

A cava e a barragem Sul Superior, que fica a 1,5 km da mina, seguem com monitoramento 24 horas por dia de forma remota, com o uso de radar e estação robótica capazes de detectar movimentações milimétricas, além de sobrevoos com drone. A barragem está em nível 3 desde 22 de março e a Zona de Autossalvamento (ZAS) já havia sido evacuada preventivamente em 8 de fevereiro.

A Vale reitera que manterá a comunidade de Barão de Cocais informada da situação.

Pin It
0
0
0
s2smodern
powered by social2s

Notícias

Vídeo em destaque